28 abril 2009

Relato de um estreiante - Maratona de Zurique 2009


O Francis é mais um amigo que fiz pela Internet, a um bom tempo trocamos ideias sobre corridas, treinamentos, e participamos dos Desafios Nike+.  E ele aproveitando a
 viagem dele a Suíça, estreou no mundo das Maratonas, e logo em Zurique, e que estreia, com um tempo excelente de 3h45!! Este baiano foi longe, parabéns Amigão..


Francis da direita com seu amigo Matthias

" Eu comecei a correr em fins de 2005. Corri parte de 2006, mas a canelite, a tal, sempre me impedia de correr por muito tempo, apesar de adorar usar o NikePlus, que é o que realmente me incentiva a correr.
Em fevereiro de 2008, dia 5, colesterol alto, decidi retornar a correr. Comecei com os 5km, fui aumentando, e uns 3-4 meses depois, já corria 10km por dia. Depois de algum tempo, tentava corridas mais longas, mas sempre me sentia cansado. Aí me deram a dica de procurar fazer uma boa hidratação. Isso mudou tudo, e, por volta de agosto-setembro, passei a correr 15km por dia. Um belo dia, resolvi levar um gel e correr um pouco mais. Percebi que, com reposição de carboidrato, conseguia ir longe. Resolvi,
 então, que correria uma maratona - isso lá pra dezembro de 2008.

Foi então que soube da maratona de Zurique, cidade onde tenho muitos amigos, e resolvi me inscrever. Nas duas semanas antes da prova, tive uma gastrite e outros probleminhas de saúde que me impediam de correr muito. Tava fazendo os 15km diários e um longão (de 22km ou de 30km) aos domingos.

A grande preocupação era a temperatura, que poderia ser desde 6 graus a 25 graus. Começou a prova com um friozinho de uns 10 graus, mas isso foi fantástico. Era a inauguração de um importante túnel que liga Zurique a não sei onde, e íamos inaugurá-lo com a maratona. 4,4km de ida, subida, 4,4km de volta. Consegui ir muito bem na subida e na descida, o que me espantou, já que estava meio destreinado. Corri bem, e, ao chegar em Bürkiplatz, já tinha completado os 10km. Era fantástico isso, correr e continuar correndo em um lugar novo, mas conhecido. O público era fantástico, dava uma força danada.

Na metade da prova, por volta dos 22km, senti que as coxas não estavam relaxadas, estavam rijas, e isso me preocupava. Mas fui forçando e continuando. A organização da prova era fantástica, e tinha frequentes postos de hidratação e reposição energética. Minha meta era chegar bem aos 30km, o que consegui depois de Meilen, quando voltávamos o percurso inverso, sempre margeando o lago Zurique. A partir daí, cada quilômetro era uma vitória. Eu pensava: se for andando, consigo terminar, pra que esse sacrifício? Mas, de alguma forma, continuei correndo. As pessoas incentivando, a temperatura aumentando (já estávamos a 20, 22 graus, com sol)... Então quando menos percebi já estava passando por Bellevue e pela Bürkiplatz, perto da linha de chegada. Alguns amigos me viram por causa da camisa laranja berrante que resolvi usar (única disponível para compra na net nas lojas, uma Dri-Fit da Nike). Foi fantástico vê-los me assistindo.

Ao chegar, não parava de rir. Era indescritível. Cumprimentávamos uns aos outros, felizes por termos completado o martírio. Foi uma perfeita primeira vez. Agora, espero que os doloridos vão logo embora...

Terminei em 3 horas e 45 minutos, bem abaixo das 4 horas previstas, o que foi fantástico! Agradeço a Deus por esse presente!"


Vencedores: além do Francis

Overall Men (4099 Klassierte) 
1. Abraham Tadese, 1982, ERI-Eritrea               2:10.09,0 (22) 
2. Kulkov Oleg, 1978, RUS-Russland                 2:10.12,1 (1)     
3. Eticha Tesfaye, 1974, ETH-Ethiopia              2:10.21,1 (2)

2 comentários:

Luna disse...

Parabéns pelo blog e pelos resultados.
Já sou tua seguidora.
Se puderes, passa pelo site português de triatlo
http://www.ncbb-triatlo.com/

Talvez possas dar umas dicas aos atletas do NCBB

oculos disse...

eheheh obrigado, amigao, pela forca! Sei que se nao fossem seus conselhos, ajuda a forca, quem sabe se eu teria conseguido!

Abracao!