21 julho 2009

Maratona do Rio de Janeiro!!


Chegamos no sábado de manhã no Ibis Santos Dumont, eu e meu amigo Noberto, que aparece na foto abaixo a exatamente 26 dias após corrermos a Maratona Internacional de São Paulo. Lá estavam os outros amigos corredores que já estavam no Rio a alguns dias.Ainda teríamos todo o sábado pra passear e conhecer um pouco mais do Rio, mas naquele momento o que realmente passava na minha cabeça era a Maratona, estava ali para isto. Domingo, 4 horas da manhã, saimos do hotel rumo a chegada, de onde sairiam os ónibus que nos levaria até a largada, serviço solicitado logo na inscrição, tudo muito bem organizado, conseguimos pegar o primeiro ónibus, correria mesmo que interessa é a da prova.
Já no Recreio a única falha da organização, muita gente pra poucos banheiros, erro primário, corredor precisa de um xixizinho básico,
ora pelo café, ora pelo nervosismo, era muitas pessoas buscando as
moitas aos arredores, tentando se aliviar!!

No horário, começa a galera correr, aquele começo nervoso de prova, onde você ainda imagina como você esta, como você se sair, se vai terminar tudo bem, se vai doer muito, pois sempre dói, mas o que vc vai fazer quando a dor chegar, e quando chegar que tempo vai conseguir. Eu tinha uma meta, terminar, e diferentemente de São Paulo, queria bater meu recorde pessoal, que tinha sido em San Diego 4h17, sabia que não podia brincar.
E fui, passo a passo, vendo aquele marzão ali do lado, e no horizonte as montanhas, que me fazia me sentir tão pequeno, e seguindo pela Barra, uma reta gigante (quase uns 20km) sem elevação nenhuma, chegue até sentir saudade de uma subidinha ou uma curva.

A poucos quilómetros da largada, meus amigos, Eder, Noberto e Junior já estavam distante de mim, não me preocupei, pois sabia que uma prova de 42.195 metros exige paciência, mas cheguei a imaginar que só os veria na chegada novamente.
Após os 15 km encontro o Junior e o Eder, e resolvo acompanha-los, mantendo meu ritmo, minha estratégia seria seguida a risca, correr mantendo um pace de até 5:40 min/km, sabia que não conseguiria manter até o fim, mas enquanto conseguisse me deixaria perto das 4 horas, meu target.
O Eder de repente desembestou e foi embora, fiquei com o Junior,
pegamos a Nyemeier, sabia que agora precisava de energia, pois é o trecho mais difícil, estava
muito inteiro, me sentindo o máximo, achando que poderia correr bem mais forte, mas sabia que era apenas a metade da carreira, e subimos-a brincando, tirando fotos um do outro, no km 24 o Junior começou a sentir cãibra, parou um pouco, ainda fiquei trotando em círculos esperando-o, partimos novamente e as cãibras dele ia e voltava até o 30km, quando ele reduziu e resolvi deixá-lo.
Já na Copacabana, vendo pessoas caminhando na orla, nem ai para os corredores, também não me importo, corro por mim, claro que é gostoso como foi em San Diego, ver as pessoas torcendo, participando, mas não faz parte da nossa cultura, paciência.
km34, as dores do joelho aumentaram muito, comecei a caminhar (também sentia o cansaço), pensei vou caminhar por uns 500 metros, mas me assustei, o joelho começou a doer muito, achei que nem ia conseguir voltar a correr, embora sou teimoso, nesta vejo o Eder, que me grita, parto na corrida atrás dele, a poucos km depois ele diz que precisa parar para alonga, ok amigo, vou indo devagarzinho ai.
Que nada queria é deixa-lo pra trás memo he he

Na Lagoa Rodrigo de Freitas, já imaginando meu tempo e minha finalização, começo a sentir os olhos marejados, é muita emoção, mais uma cumprida, Deus mais uma vez permitiu que este ser limitado, conseguisse mais esta proeza. Isto é o bom da Maratona, vc sabe que é difícil, que não nasceu para correr, que é mais fácil ficar estático, mas não, sou teimoso, sou guerreiro, e chego no final..
Nos últimos 300 metros acelero, atingindo uns 18km/h, não é hora de sentir dor, é hora de comemorar, ao cruzar a linha, beijo a aliança como fiz em todas, dedicando mais este momento a minha esposa, que tanto me apoia. Obrigado Rio, lugar lindo, prova quase perfeita..
Pretendo o ano que vem voltar!! Final, 4h11!!

Um comentário:

Jorge disse...

---------\\\\|/---------
--------(@@)-------
-o--oO--(_)--Ooo-
Sérgio, boa tarde, desconhecia que vc tinha blog, pois fiquei sabendo pq estava no blog da NIKE e vi este endereço lá, parabéns pelo blog e pela sua brilhante participação na Maratona do Rio amigo, showwww...

Bons treinos,

Um abraço,

Jorge Cerqueira
www.jmaratona.blogspot.com